A Campanha

“Vamos precisar de todo mundo/ Um mais um é sempre mais que dois/ Pra melhor juntar as nossas forças/ É só repartir melhor o pão”

“Vamos precisar de todo mundo” é uma ação de solidariedade ao povo brasileiro, articulada pela Frente Brasil Popular e pela Frente Povo Sem Medo. Diante da pandemia do covid-19, crise agravada pelo desmonte das políticas públicas e pelos posicionamentos genocidas de Bolsonaro, criamos esta plataforma.

O objetivo é dar visibilidade e fortalecer às iniciativas populares de solidariedade, para que mais gente possa participar e colaborar da forma como puder. Este é um espaço militante, interativo e participativo, e sua função só se concretiza se for usado e ocupado por mais pessoas e organizações.

A proposta é gerar um grande movimento nacional que dê sentido à superação das crises que vivemos. Construir uma inspiração nacional de todo o campo democrático e popular para agregar todas as pessoas e movimentos que se identifiquem com a Democracia, a Solidariedade e com o Povo Brasileiro.

É muito drástica a realidade que vivemos hoje. A pandemia escancara a insuficiência desse sistema que prioriza os lucros e não a vida. O que está em jogo é a vida das pessoas – não só de quem está nos grupos de risco, mas de todo mundo, especialmente quem vive em situações de maior vulnerabilidade e precariedade.

Por isso, é preciso: exigir medidas concretas, denunciar as políticas genocidas de Bolsonaro e levar a sério procedimentos como o isolamento. O individualismo não irá garantir a sustentabilidade da vida das pessoas em um país tão desigual, com tanto desemprego, trabalho informal e fome. Para problemas coletivos, precisamos de saídas coletivas.

A solidariedade é um princípio das organizações populares. É uma prática política permanente, que concretiza nossas ações no presente e, ao mesmo tempo, aponta para o novo mundo que queremos construir. A solidariedade é um eixo fundamental da transformação social e, hoje, ela se faz especialmente necessária.