Nesta terça-feira (22), militantes do MST, atleticanos anti-fascistas, professores, entre outros, se organizaram em um grupo de 15 pessoas para realizar mais uma ação de solidariedade.

Foram colhidos 2400 kg de repolho na Comunidade Quilombola Fexo, município da Lapa/PR, destinados as Marmitas da Terra, no intuito de alimentar famílias necessitadas em Curitiba e região.

As famílias agricultoras tem vínculos com o assentamento Contestado que,  com os plantios e técnicas agroecológicas, desenvolveram parcerias grande valia.

O mutirão é realizado através do Coletivo Marmitas da Terra (@marmitas_daterra )

Fotos: Nikki Rodrigues