Mais uma ação solidária do Movimento dos Trabalhadores Sem Terra do Paraná. Famílias do município de Tamarana, Norte do estado, receberam na manhã de sábado (15), 260 cestas de alimentos produzidos e doados por famílias de agricultores e agricultoras de assentamentos e acampamentos do MST.

Ao todo, sete assentamentos dos municípios de Tamarana e Lerrovile participaram da campanha de solidariedade. Juntos, arrecadaram cerca de 2.500 quilos de alimentos. somente o MST do Paraná já doou mais de 13 mil quilos de alimentos na região. Em todo o Brasil, o Movimento já distribuiu cerca de 3 mil toneladas de alimentos frescos.
<

A imagem pode conter: 1 pessoa, céu e atividades ao ar livre
<

Mesmo com chuva os moradores do bairro Bom Pastor e Vila Siena, formaram fila para receber a cesta de alimentos direto das mãos dos agricultores.

A ação faz parte da campanha nacional do MST contra a fome durante a pandemia de Covid-19 e, também, são atos de protestos contra o governo genocida de Bolsonaro e do brutal despejo aos agricultores sem terra em Campo do Meio, no Sul de Minas Gerais, ocorrido na sexta-feira (14).

A imagem pode conter: uma ou mais pessoas, pessoas em pé e atividades ao ar livre
<

As doações do MST integram a campanha nacional de solidariedade Vamos Precisar de Todo Mundo, que reúne as iniciativas solidárias realizadas pelos movimentos sociais desde o início da pandemia. No site  há opções para doar via transferência bancária ou por um dos 315 pontos de coleta cadastrados em várias cidades do Brasil. Acesse todomundo.org.

A imagem pode conter: 1 pessoa, em pé e sentando, texto que diz "MST"