A Escola Nacional Paulo Freire deu início à formação de Agentes Populares de Saúde em São Paulo, no bairro Jardim Silvério. A inciativa reúne 11 moradores e moradoras dispostos a contribuir no monitoramento e prevenção da Covid na sua comunidade.

O curso faz parte da Campanha de Solidariedade para Combater o Coronavírus da Escola Nacional Paulo Freire, que deu início ao projeto também no bairro Boqueirão na semana passada. Ao todo, serão mais de 20 agentes preparados para atuar em conjunto e manter a Periferia Viva!

O que é o projeto – A UneAFRO, em parceria com diversos movimentos sociais desenvolveu o projeto de Agentes Populares de Saúde, uma espécie de capacitação para que pessoas comuns possam apoiar, na prática, suas comunidades no combate ao coronavírus. A iniciativa acaba de ganhar um site com todas as informações, incluindo cartilha, protocolos e orientações de segurança.

O projeto, que teve início em Pernambuco e tem se espalhado para outros estados, como São Paulo, tem site próprio onde é possível contribuir com apoio, se você for profissional de saúde ou tiver interesse no curso, ou por meio de doações.

Acesse: https://agentespopularesdesaude.org.br/

A imagem pode conter: 1 pessoa, em pé e sentando

A imagem pode conter: uma ou mais pessoas e pessoas sentadas

A imagem pode conter: 1 pessoa, em pé