No Brasil, são 7,2 milhões de trabalhadoras e trabalhadores domésticos, a grande maioria, mulheres. São a terceira maior categoria de trabalhadores do país. Desse total, mais de 73% vivem na informalidade.

Com a pandemia, mais do que nunca, essas trabalhadoras precisam de nosso apoio e reconhecimento.

Procure o sindicato das trabalhadoras domésticas de sua cidade e doe cestas básicas.

Mantenha o salário de quem trabalha para você.

Cuide de quem cuida de sua família.
>