A Coordenação das Organizações Indígenas da Amazônia Brasileira (Coiab) acaba de lançar uma campanha de apoio e arrecadação de recursos para o enfrentamento ao coronavírus entre a população indígena da Amazônia brasileira.

De acordo com a organização, os povos indígenas vivem uma situação de emergência jamais imaginada. O crescimento desenfreado de contaminados e de mortes pela doença exige ações imediatas dos movimento indígenas.

O trabalho diário de levantamento e organização das informações com lideranças e profissionais da saúde indígena sobre os casos da Covid-19 revela uma dura realidade. “Dados mostram o crescimento assustador do vírus, vitimando muitos parentes. Apesar da omissão de muitos casos já confirmados, os registros do Boletim da Secretaria de Saúde Indígena (Sesai) já demonstram que a doença chegou com intensidade nos territórios afetando comunidades inteiras. É muito dolorido acompanhar os casos em detalhe”, lamenta Valéria Paye, da assessoria política da Coiab.

Risco de genocídio – Diante da omissão criminosa do governo, que só atende ao interesse do agronegócio e dos invasores das terras indígenas, lideranças temem mortes em massa e até o extermínio de grupos mais vulneráreis, como os povos indígenas isolados e de recente contato.

Boa parte da população indígena da Amazônia mora em locais remotos, sem serviços básicos de saúde, energia e água tratada. Outros tantos, que optaram em viver nas áreas urbanas para estudar e se desenvolver profissionalmente, enfrentam o racismo institucional que nega o atendimento de saúde especializado.

Mobilização solidária – Para proteger e ajudar os povos indígenas no enfrentamento da Covid-19, a Coiab, juntamente com a sua rede indígena e os profissionais de saúde, está coordenando uma grande mobilização com a participação de diversas instituições da sociedade civil. Um esforço coletivo para impedir que a doença se alastre nos territórios indígenas, evitando que milhares de vidas sejam perdidas.

População indígena – Segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE),  há cerca de 900 mil índios no Brasil, que se dividem entre 305 etnias e falam ao menos 274 línguas. Os dados fazem do Brasil um dos países com maior diversidade sociocultural do planeta. Em comparação, em todo o continente europeu, há cerca de 140 línguas autóctones, segundo um estudo publicado em 2011 pelo Instituto de História Europeia. A maior concentração da população indígena no país está nas regiões Norte e Centro-Oeste.

>>>

APOIE! A Coordenação das Organizações Indígenas da Amazônia Brasileira (Coiab) lança uma campanha de apoio e arrecadação de recursos para o enfrentamento da pandemia do coronavírus entre a população indígena da Amazônia brasileira. Caio Machado, ativista sócio fundador da ong Doutores da Amazônia, convoca a participação de todxs nessa corrente pela vida dos povos indígenas!Em meio a pandemia da Covid-19, os povos indígenas da Amazônia brasileira vivem na atualidade uma situação de emergência jamais imaginada. O crescimento desenfreado de contaminados e de mortes pela doença exige cada vez mais ações imediatas do movimento e das organizações indígenas que compõem a rede da Coiab.Queremos contar com o seu apoio nessa rede de solidariedade. E precisamos da sua ajuda para enfrentarmos com mais força essa batalha! PELAS VIDAS INDÍGENAS DA AMAZÔNIA BRASILEIRA! APOIE!Faça uma doação através da conta bancária:DOAÇÃO NACIONALEntidade Titular: Coordenação das Organizações Indígenas da Amazônia BrasileiraCNPJ: 63.692.479/0001-94Banco do BrasilAgência: 1862-7Conta: 15.774-0Cidade: Manaus/AMDOAÇÃO INTERNACIONAL ACRESCENTARIBAN: BR8100000000018620000157740C1SWIFT: BRASBRRJMNShttps://coiab.org.br/doeEm São Paulo – SP, para doar materiais de higiene e EPIs, envie para o endereço:Doutores da AmazôniaAvenida Jabaquara n. 830 – Mirandópolis – São Paulo – SP CEP: 04046-100. Telefone: + 55 (11) 940231727

Publicado por Coiab Amazonia em Sábado, 30 de maio de 2020

>

Os povos indígenas contam com o seu apoio nessa rede de solidariedade.

Para fazer uma doação por transferência bancária:

Entidade Titular: Coordenação das Organizações Indígenas da Amazônia Brasileira CNPJ: 63.692.479/0001-94 Banco do Brasil Agência: 1862-7 Conta: 15.774-0 Cidade: Manaus/AM

Para doação internacional acrescentar:

IBAN: BR8100000000018620000157740C1   SWIFT: BRASBRRJMNS

Para doar pelo site: https://coiab.org.br/doe

Em São Paulo – SP, para doar materiais de higiene e EPIs, envie para o endereço:
Doutores da Amazônia
Avenida Jabaquara n. 830 – Mirandópolis – São Paulo – SP
CEP: 04046-100. Telefone: + 55 (11) 940231727