Na terça-feira (19), em uma ação solidária, o MST entregou 2.100 kg (2,1 toneladas) de alimentos, divididos em 110 cestas para a entidade Corrente Feminina Para o Bem Em Combate Ao Câncer, a qual atende dando apoio e suporte, atualmente, a 110 pessoas doentes com câncer, no distrito de Primavera, situado no município de Rosana. A ação do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra ocorreu por meio da Associação Regional de Cooperação Agrícola (ARCA), com sede no Assentamento Gleba XV, em Rosana-SP, ligado ao setor de produção do MST da região do Pontal do Paranapanema. A doação aconteceu em parceria com a Fundação do Instituto de Terras do Estado de São Paulo (ITESP)

Cada cesta doada continha 5kg de arroz, 2k de feijão, 1 kg de açúcar, 1 lata de óleo e 1kg de sal 10kg de cenoura, 2kg de batata doce, 2kg de abóbora e 2kg de mandioca, 1kg banana, 1kg de mamão. Desta cesta, cenoura, batata doce, abóbora, mandioca, banana e mamão foram produzidos no modo de produção agroflorestal do Assentamento Gleba XV.

Cledson, da direção estadual do MST e diretor da ARCA, explicou como funciona a parceria realizada com o ITESP. Para ele, esta relação é importante para os pequenos produtores, principalmente neste período de pandemia de covid-19.
“O governo do estado de São Paulo lançou o programa de aquisição de 10 mil cestas por intermédio do ITESP, ligado a Secretaria da Justiça e Cidadania do Estado de São Paulo. Nesse projeto, além de nós estarmos ajudando as entidades, as cooperativas, os pequenos produtores que tenham CNPJ, podem se inscrever quanto tiver a chamada pública. Essa parceria é muito boa porque se consegue comercializar a produção do assentado, ajudar quem precisa e ainda sobra um dinheirinho”.

#PeriferiaViva #FiqueEmCasaNãoEmSilêncio #QuédateEmCasaNoEnSilencio #MSTemDefesaDoSUS

Veja as fotos: