Em apenas um mês de campanha, ação solidária coordenada por trabalhadores da Petrobras já distribuiu 577 cestas de produtos orgânicos, totalizando mais de 2,5 toneladas de alimentos produzidos através da agroecologia em assentamentos e acampamentos do MST (Movimento dos Sem Terra).

(foto div – petrol -mst)

Nessa segunda-feira, dia 11, foram distribuídas 150 cestas em 9 organizações espalhadas pela cidade de Campinas. A região que mais recebeu foi a dos bairros Monte Cristo, Oziel e Gleba, onde se encontram a CUFA (Central Única das Favelas), o Quilombo Urbano e a sede da Associação da ex-ocupação Joana D’Arc.

Pela proximidade com o dia das mães, também foram incluídos nessa semana kits com produtos de higiene feminina. Pessoas que trabalham com famílias carentes relatam que esse tipo de produto raramente tem doação. Professoras relatam que alunas chegam a faltar da escola por não terem de absorvente.

A comunidade da EMEF Pr. Emílio Miotti também tem feito trabalho de levantar as famílias que enfrentam mais necessidades nesse período e distribuir as cestas recebidas.

A ação está sendo coordenada pela Sindicato dos Petroleiros e quem quiser doar pode fazer por cartão, boleto, transferência bancária ou pagamento recorrente através da página: https://sindipetrosp.org.br/apoie-a-luta-dos-petroleiros/

O MST integra a campanha Vamos Precisar de Todo Mundo, que reúne em seu site todomundo.org, ações solidárias de todo o Brasil. São 274 parceiros, entre movimentos sociais, Centrais e frentes populares,  que integram essa rede de solidariedade levando alimentos agroecológicos, cestas básicas, kits de higiene, além de apoio e cuidado aos mais atingidos pelo isolamento social. Cerca de 43 milhões de brasileiros não tem acesso a nenhum tipo de renda nesse período. É uma demonstração de que os excluídos são muitos e precisam de nossa solidariedade.

Junte-se a nós! Faça Parte! Acesse nosso site para fazer uma doação, cadastrar uma iniciativa ou solicitar ajuda.

Carta Campinas